16/09/2015

Indicando: A Garota de Greenwich - Vanessa Preuss

Título: A Garota de Greenwich
Autor: Vanessa Preuss
Editora: Buriti
Ano: 2014
Páginas: 291
Sinopse: Roberta Cartner é uma jovem de vinte anos que vê seu coração acelerar por Jacques Sulavan repentinamente. Filha de pai humilde e sem a mãe, sua vida está prestes a mudar quando ele aparece a primeira vez na empresa em que ela trabalha. Forte e imponente, Jacques tem tudo que a faz suspirar, e quando decide incorporá-la a seu mundo, Roberta se vê dividida. Com problemas no trabalho e medo do que esse envolvimento pode lhe causar, ela resolve fugir. Sua avó Sarah Cartner mora em Londres e é para lá que ela vai. O que Roberta não pode prever é o quanto essa decisão pode mudar sua vida. De volta ao Brasil ela deverá se confrontar com antigos fantasmas deixados no passado, e descobrir que sua felicidade pode ter estado mais perto do que ela poderia imaginar.


Olá amigos! O Indicando de hoje vai ser um pouco diferente, ao invés de eu indicar algum conto, vim indicar um livro que conheci através de uma proposta bem legal.
A autora do livro, Vanessa, está fazendo um trabalho de divulgação com blogueiros super interessante, onde manda uma amostra de seu livro e damos nossas impressões e é claro que eu fiquei super honrada com o convite! 
Antes de falar sobre a história, quero que vocês conheçam um pouco a Vanessa!




Oi!
Meu nome é Vanessa Preuss, e tenho 22 anos. Nasci no oeste catarinense, em São João do Oeste, mas moro desde os 4 anos (ou desde que me dou por gente), em Tupandi, cidade pequena distante 87 km da capital Porto Alegre.
Sempre tive contato com a escrita e minhas primeiras histórias foram escritas em sala de aula, no silêncio do quarto à noite, nas horas vagas da adolescência. Aos 17 anos me tornei colunista em um jornal local e desde então tenho colaborado com três deles. Estudei jornalismo durante 3 anos, atuei como repórter, escrevo para o site online Donnatune e mantenho uma página na rede social do facebook semanalmente desde janeiro de 2014. Trabalho como secretária e auxiliar administrativa em uma empresa que atua no segmento de embalagens plásticas, e nas horas vagas, vendo e escrevo diariamente, por amor e hobby, o que me inspira a seguir a profissão de escritor.
Também sou curiosa, ambiciosa, movida por gestos e palavras. Gosto de ler de tudo: perco horas e horas lendo Agatha Christie, Nicholas Sparks, Julia Quinn e tudo que é novo e receitado pela minha própria crítica. :)

A Garota de Greenwich é minha primeira obra publicada. Primeira de muitas. 


A história na verdade seria uma crônica feminina para meu blog, mas gostei tanto dela que fui acrescentando idéias e frases e cinco meses depois, virou um livro com pouco mais de 300 páginas.



O livro já encanta logo pela capa (estou in love ) e os trechos escolhidos pela autora para o material de divulgação foram realmente escolhidos a dedo e com sérias intenções de deixar nós blogueiros com vontade de ler mais. E a intenção atingiu a meta, eu estou completamente louca pra ler haha

Os trechos não revelam tudo o que acontece com Roberta, a protagonista, mas da pra tirar uma boa ideia.

Ela é uma jovem que foi criada pelo pai aqui no Brasil e que trabalha numa empresa. Num dia, ela se depara com Jacques, um homem de tirar o fôlego que se encontra naquela empresa para uma aparente reunião. É encanto a primeira vista, por parte dos dois! Mas ao que parece, Roberta tem um amigo que vai deixa-la dividida, o Thomas. Quem será que ela deve escolher? Em meio a muita confusão e brigas até com seu querido pai, Roberta decide fugir e vai passar um tempo com sua avó em Greenwich, Londres. Lá, a vida da nossa jovem da uma volta completa e em meio a aulas de teatro, sua avó vê seu grande potencial pra escrita. E é assim, que ao voltar ao Brasil, Roberta irá lançar um livro! Sim, ela vira escritora!

Já contei como adoro personagens que também são autores? Pois eu adoro. Acho super legal o autor do livro montar isso, ainda mais porque ninguém melhor do que ele pra saber sobre o que ta falando né?! 

Nossa mocinha também acredita fielmente no sexto sentido feminino (toca aqui amiga)
Pelas poucas pistas que tive nos trechos, pude perceber que Roberta é muito forte e determinada apesar da pouca idade. Sua avó me pareceu um doce de pessoa e já estou shippando ela com o Thomas. Qual seria o melhor nome pro meu shipp: Romas, Robermas ou Thoberta? hahaha Esse romance é um dos fatores que me deixou mais curiosa ainda, quero saber se rola ou não rola. Socorro.
A escrita da Vanessa me pareceu ser bem fluente, bem jovem. Tenho certeza que é um livro rápido e gostoso de ler. 

Espero que tenham gostado da indicação de hoje e procurem saber mais e mais sobre o livro!
Aliás, nesse link aqui a autora fala um pouco sobre o livro, a criação, as sensações, tudo!



"A Garota de Greenwich fala principalmente sobre a importância de acreditarmos em nossos sonhos e corrermos atrás deles, de uma forma bem- humorada e divertida." Vanessa Preuss


7 comentários:

  1. Eu ainda não conhecia a autora, mas já pude perceber que ela é bastante simpática! Eu conheço só de olhar, sabe? hahahah Romance não é o meu forte, como eu já disse aqui no blog, mas pela capa é difícil não se sentir atraído, né? hahah O livro aparenta ser ótimo!

    ResponderExcluir
  2. Oi Nath! Td bem, flor?

    Tbm gostei muito da capa, achei a sinopse boa tbm, quem sabe mais pra frente neh? No momento não posso desejar mais nenhum livro! kkkkkk

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  3. A capa é linda, pela sinopse o livro parece ser bem interessante, e é bem o meu estilo, adorei a dica ♥

    ResponderExcluir
  4. Ameeei Nathália!! Quanta ideia legal e quantos sorrisos lendo essa matéria! Fiquei encantada!! Logo logo sai o resultado e espero dividir muitoo a história com você!! <3 Beijoos

    ResponderExcluir
  5. Imagino o quanto ficou feliz quando essa autora fez essa proposta para ti. Principalmente quando a capa é espetacular e a premissa super cativante.
    Mais um livro que irei adicionar em minha lista.
    Abçs!!

    ResponderExcluir
  6. Oii tudo bom?

    Acabei de conhecer seu blog que é maravilhoso! Amei a diversidade de resenhas que vc tem. Ah eu queria fazer o Top Ten Tuesday no meu blog, mas sou tão ruim para essas coisas, acho o máximo quem faz sempre, são poucos blogs brasileiros que fazem.
    Ah sobre o livro, a capa é maravilhosa, confesso que a história apesar de parecer boa ainda não me chamou tanto a atenção (vou esperar pela sua resenha, pra ver se me empolgo) e meus parabéns por ter sido escolhida pela autora, é sempre uma honra quando um autor nos contata e nos confia o seu trabalho, é um retorno muito gostoso.

    Boa sorte a ti no blog e também à autora muito sucesso, sempre

    Beijokas

    naprateleiradealice.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
  7. Nath!
    fico tão feliz ao ver mais uma autora nacional divulgando sua obra.
    E pelo visto o enredo é bem interessante, chama atenção e fiquei bem curiosa pela leitura.
    Já foi quase uma resenha porque deu para conhecer um pouco sobre o livro e a autora...
    “Creio no riso e nas lágrimas como antídotos contra o ódio e o terror.”(Charles Chaplin)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, volte sempre! :)