30/12/2016

Resenha: Um Gato de Rua Chamado Bob - James Bowen


Título: Um gato de rua chamado Bob
Autor: James Bowen
Editora: Novo Conceito
Ano: 2016
Páginas: 208
Compre: Amazon - Submarino - Saraiva
Sinopse: James é um músico de rua lutando para reerguer-se. Bob É Um Gato de Rua à procura de um lugar quente para dormir. Quando James encontra Bob no corredor de seu prédio, não tem ideia do quanto sua vida está prestes a mudar. Ele, despretensiosamente, cuida de Bob e, depois, permite que o gato siga seu caminho, imaginando que nunca o verá novamente. Mas Bob jamais o abandonaria... “Um Gato de Rua Chamado Bob” é uma sensação internacional, permaneceu na lista dos mais vendidos na Inglaterra por 52 semanas consecutivas e foi publicado em 26 países ao redor do mundo. Uma história comovente de superação sobre uma improvável amizade entre um homem e o gato que o adotou e transformou sua vida completamente.




A resenha foi publicada originalmente no blog Da Imaginação à Escrita e reescrita para a nova versão de Um gato de rua chamado Bob para o blog Pobre Leitora.

Antes mesmo de ler Um Gato de Rua Chamado Bob, eu tinha uma pequena noção da história de James e Bob. Vi uma nota certo dia no Facebook sobre essa relação tão bela entre um homem e seu gato, não pude deixar de me emocionar ao ler essa noticia que me foi compartilhada. Quando ao visitar o Skoob me deparei que a Novo Conceito iria lançar o livro de James Bowen fiquei eufórica! Para quem não sabe eu sou amante dos gatos e saber sobre esse livro já me encheu de expectativa. Eu contava os dias para poder ler a história de Bob, imaginando o que estaria me esperando nas páginas da obra de James. Com a chegada do livro, minha intenção era ler Um Gato de Rua Chamado Bob imediatamente. Posso dizer que minha leitura não durou dois dias! Em um dia e meio o livro já tinha sido concluído e eu estava nas nuvens!

A vida de James estava uma bagunça, a luz no final do túnel escuro parecia cada vez mais distante. Sua vida não era fácil, ele era um ex-morador de rua que tirava seu sustento com apresentações musicais nas ruas de Londres e lutava contra a dependência química. No entanto, tudo mudou no inicio da primavera de 2007 quando encontrou um gatinho laranja. Disposto a cuidar do laranjinha, James fez de tudo para que o gatinho estivesse realmente saudável antes de voltar para as ruas. Mas o gato tinha outros planos e pelas diversas vezes que James tentou mandá-lo embora o felino não se deixou intimidar! Ao perceber que os dois estavam destinados a ficarem juntos, James decidiu que já não podia viver sem o laranjinha e a partir de então suas vidas passaram a ser uma só.

Dando o nome de Bob ao gatinho, James viu suas esperanças se renovarem. Bob trazia alegria ao seu mundo, a amizade que foi construída se solidou e foi o motivo de James começar a agarrar com todas as forças a chance de redenção. Por Bob, James é capaz de tudo, ele é sua vida, o motivo de acordar todos os dias.

Ler Um Gato de Rua Chamado Bob foi estupendo! Praticamente devorei o livro, a cada capítulo que eu lia, meu pensamento era de apenas continuar mais e mais, eu tinha a necessidade de conhecer cada ponto da história de James e Bob, essa com certeza foi uma experiência mágica! O livro atendeu a todas as minhas expectativas, ou melhor, as superou! James se mostrou um homem corajoso, amoroso e lutador! Senti em suas palavras o amor que tem por Bob e como ambos se completam. Sem a menor sombra de dúvidas, James nos revela seu grande sentimento por seu amigo de quatro patas, ele é seu companheiro, seu filho e fiquei simplesmente apaixonada por essa história tão linda!



Um livro cativante e envolvente. James Bowen relatou sua própria história com uma proeza sem igual, sua narrativa é rápida, fluída e estimulante. Ter tido a chance de acompanhar essa história foi fabuloso, é impossível não se apaixonar pelo livro que traz em sua bagagem esse relato tão vivido e cheio de aprendizado. Desde os primeiros capítulos me vi encantada pelas palavras do autor e acompanhar cada passo das suas aventuras com Bob, foi gratificante. Ambos enfrentaram grandes desafios e obstáculos, mas caminharam lado a lado para encará-los juntos, com coragem, determinação, amizade e amor. A relação de James e Bob é um exemplo admirável, uma amizade tão bela e formidável, um amor que salta pelas páginas do livro. Os momentos mais difíceis que James e Bob passaram foi um aperto no coração, eu desejava que tudo ocorresse bem para que ambos conseguissem superar esses momentos de provação da melhor forma possível e quando isso se confirmava, eu respirava aliviada e feliz.

Um Gato de Rua Chamado Bob é um aprendizado, uma lição maravilhosa de amizade e superação. As palavras de James Bowen me tocaram profundamente, senti a magia que Bob despertou em cada londrino que parava para admirar o laranjinha. O autor transportou em escrita, todo o sentimento magnífico que Bob lhe proporciona, tornando esse livro uma obra-prima, comovente e empolgante! Só tenho elogios e admiração para com James e Bob, desejo do fundo do coração a felicidade dos dois, que eles estejam sempre juntos e cheios de alegrias! Antes de finalizar a resenha, quero parabenizar a Novo Conceito pelo trabalho para com o livro Um Gato de Rua Chamado Bob, a diagramação é linda, a revisão é ótima, não encontrei nenhum erro significativo ou que atrapalhasse minha leitura. A Novo Conceito trouxe uma nova edição do livro este ano e traz a capa do filme (sim, teremos uma adaptação dessa história maravilhosa, nos cinemas!), eu fiquei encantada por essa capa e não é querendo me gabar, mas já fazendo, tenho todos os livros que a editora lançou sobre James e Bob, tamanha é minha admiração por esses dois, não é apenas uma paixão por uma linda história, afinal, aqui temos algo vivido, real, que deixa o leitor admirado e emocionado, por tanto, qualquer obra ligada a essa dupla, terei o prazer de ter na estante!

Sem mais, só posso dizer que recomendo a todos os leitores e já estou aqui com a maior vontade de reler o livro! Com certeza é uma obra que merece ser lida e apreciada, tem muito a oferecer e desperta a emoção a cada página que é virada!


Um comentário:

  1. Oi sammy, oi nati <3
    Já o livro e o que falar dele? Muito amor pra pouca paginas, sou apaixonada por animais e logico que amei a história, não sabia que ia ter reedição, até quando vi no insta da Samy eu pensei que era livro novo.
    Assim como a Samy indica eu tbm indico, uma historia linda mesmo e parabéns pela otima resenha <3
    Brubs
    Quem é vc, Brubs?

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, volte sempre! :)