03/05/2017

Indicando: Mentiras como o amor - Louisa Reid

Título: Mentiras como o amor
Autor(a): Louisa Reid
Gênero: Drama, romance
Editora: Novo Conceito
Ano: 2017
Páginas: 473
Compre: Amazon - Saraiva
Sinopse: Audrey sabe que sua mãe está certa quando tenta salvá-la de si mesma. 
Ela sabe que tem sido injusta, por isso precisa, por seu irmão mais novo e por sua mãe, seguir em frente. Audrey tenta manter todos felizes. Juntos, eles estão em busca de dias melhores. 
A mãe de Audrey, à sua maneira, tenta ajudar a filha a controlar a doença para que ela possa encontrar um recomeço seguro.
Então Audrey conhece Leo, mas ele torna a vida dela realmente complicada, pois essa amizade faz com que ela deseje ousar ser ela mesma, enfrentar a vida.
Agora, Audrey precisará decidir: cuidar de sua família especialmente de seu irmão ou continuar sonhando com a vida que tanto deseja? 
Mentiras Como o Amor é deslumbrante e de partir o coração. É o novo romance de Louisa Reid, a autora aclamada de Corações Feridos.



O Indicando de hoje se trata de um livro já resenhado aqui no blog, Mentiras como o Amor, que vocês podem conferir a resenha aqui. A leitura foi feita em 2016 no formato digital e agora tenho a oportunidade de vir falar pra vocês sobre a edição física lançada este ano pela Novo Conceito.

Primeiramente, gostaria de relembrar que eu gostei MUITO desse livro e o indico para todos. É um drama bem forte mas não deixa de ser uma história linda e tocante. A Louisa Reid tem um dom extraordinário para escrever dramas que mexem com o leitor e espero que ela nunca pare. 
O livro traz a história de Audrey, uma menina que aparentemente sofre de depressão e esquizofrenia e se muda para uma casa afastada com sua mãe e seu irmão mais novo, na esperança de todos terem uma nova vida. Nisso, ela conhece Leo e eles viverão uma amizade e amor muito bonitos de se ver. 

O livro é narrado em primeiro pessoa por Audrey e em terceira por Leo, o que não incomoda o leitor de maneira alguma. Os capítulos narrados por Audrey são bem profundos e desesperadores. Você consegue entrar bem fundo na mente e alma da personagem e vivenciar toda sua dor. 
É um drama por vezes desesperador, que parece não haver saída ou final feliz por mais que você torça. Não é fácil de ser lido e pode até se tornar um livro arrastado, para mim foi bem demorada a leitura, mas compensou cada minuto. 

A edição física do livro é simples mas muito bonita e bem feita. As páginas são amareladas e de boa qualidade e a fonte em bom tamanho. O início dos capítulos tem pequenos desenhos de Dente-de-leão (aquela florzinha que a gente assopra e sai voando uns negocinhos, o espírito de criança adora!) voando e é bem fofo. A capa é sem comentários né? Sou apaixonada pela arte e o destaque para as letras e a flor ficou muito elegante. 

É um livro extremamente recomendado para quem gosta do gênero e para quem já leu o outro livro da autora, considero este ainda melhor! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, volte sempre! :)